BioSmart apresenta o EcoParque Algarve, a nova unidade de tratamento de orgânicos

News date: 2 September 2020

O EcoParque Algarve, a nova unidade de tratamento de orgânicos, situada em Messines, permite tratar 75 mil toneladas de lamas e servirá, a partir de agora, o mercado do Algarve.

Foi no passado dia 26 de agosto que a BioSmart, uma empresa do Grupo NOV Ambiente & Energia, apresentou publicamente a unidade de tratamento de orgânicos em São Bartolomeu de Messines, no concelho de Silves.

Num evento que juntou, com as devidas condições de segurança, várias dezenas de pessoas, destacam-se as presenças da Presidente da Câmara Municipal de Silves, da Presidente da Junta de Freguesia de São Bartolomeu de Messines e de diversos elementos da Assembleia Municipal de Silves e do Conselho de Administração da empresa Águas do Algarve, para além dos Conselhos de Administração do Grupo NOV e do Grupo NOV Ambiente & Energia.

Com uma tecnologia única em Portugal que permite manter as lamas em aerobiose (diminuindo o mau cheiro), a BioSmart investiu mais de 2 milhões de euros neste projeto sustentável também através da produção de energia fotovoltaica para autoconsumo, sendo um exemplo de economia circular. Tudo o que entra como resíduo sai como produto valorizado.

A unidade de Messines tem capacidade para o tratamento de 25 mil toneladas/ano, à qual acresce a capacidade instalada de armazenamento de 50 mil toneladas/ano.

Relembra-se também a importância social, económica e ambiental deste tipo de investimentos.

Esta unidade servirá o mercado do Algarve, que produz cerca de 50 mil toneladas de lamas por ano, mantendo as condições de cumprimento contratual que derivam de a BioSmart ter ganho o concurso público para o tratamento de lamas da Águas do Algarve em fevereiro deste ano. Até ao momento, as lamas eram encaminhadas e tratadas em outras unidades licenciadas da BioSmart.

Atualmente a BioSmart e suas empresas participadas possuem mais três unidades de tratamento de lamas Figueira da Foz (Bioenergias), Beja e Ansião, num investimento total que já ultrapassa os 5 milhões de euros.