BioSmart realiza limpeza na ETA do Enxoé e de Almograve

Fecha de la noticia: 1 Octubre 2020

A BioSmart está a realizar a limpeza dos órgãos de armazenamento de "águas sujas" das Estações de Tratamento de Água (ETA) do Enxoé e de Almograve.

O serviço está a ser prestado para a Águas Públicas do Alentejo, S.A. e iniciou no passado mês de agosto.

Para o efeito está a ser utilizada a Unidade Desidratação de Lamas (UDL) da BioSmart. As "águas sujas", subproduto do processo de tratamento da água, são continuamente fornecidas ao sistema de desidratação mecânica, havendo uma separação da maioria da fração da água presente das lamas a recolher. A lama desidratada é simultaneamente contentorizada para posterior transporte a destino final. A água decantada da centrifuga é encaminhada para o início do processo de tratamento da ETA ou outro local apropriado.

A desidratação deste resíduo minora significativamente a quantidade a encaminhar e correspondentemente o número de transportes para esse efeito, permitindo prestar um serviço com maior qualidade e mais sustentável para o serviço de tratamento da água.

Neste caso, em cada uma das ETA, do Enxoé e de Almograve, são processados cerca de 300 metros cúbicos de ‘águas sujas’, de onde se extrai para destino final aproximadamente 32 toneladas de lama desidratada, sendo o restante volume devolvido para valorização no processo de produção de água de abastecimento das próprias ETA.