Conclusão do PPS2 do projeto Add.Additive com a Lena Agregados

News date: 20 September 2022

O projeto Add.Addrive é um dos mais emblemáticos projetos de investigação e desenvolvimento, com fabricação em Leiria. A Lena Agregados, do Grupo NOV Indústria, foi um dos copromotores, fazendo parte do PPS2 – Fabrico aditivo baseado em Materiais Cerâmicos, Cimentícios e Compósitos de Metal Cerâmico.

Liderado pelo Centro de Desenvolvimento Rápido e Sustentado do Produto do Politécnico de Leiria (CDRsp), este projeto agora finalizado, contou ainda com a parceria Universidade de Aveiro, Centimfe, Costa Verde, Durit, Amcubed e Periplast.

O processo teve início em 2016, em resultado do lançamento de programas para projetos mobilizadores que visam essencialmente a valorização económica de resultados/testes científicos, que muitas vezes não passam para o mercado empresarial. Pretendeu-se a mobilização de produtos, processos e serviços (PPS) inovadores, que impulsionassem significativas mudanças nos sistemas de produção e nos modelos de negócio.

A Lena Agregados, em parceria com o IPL-CDRsp participou no estudo e validação de novas fórmulas de misturas cimentícias (PPS 2 – Cimentícios), visando o desenvolvimento de misturas cimentícias para o fabrico aditivo, nomeadamente a impressão 3D.

Na sessão de encerramento e demonstração de resultados, o Professor Florindo Gaspar, apresentou o resultado do projeto PPS2 – Cimentícios: a fabricação aditiva de peças de mobiliário urbano, concretamente, os bancos de jardim BLOOM e BILUMEN.  

Para a criação destes projetos foram feitos testes de avaliação da consistência, da retenção da forma e estudos de composição e dos requisitos dos materiais utilizados e testes de impressão, que iniciaram com o desenvolvimento da própria máquina de impressão, constituída por um braço robótico e uma cabeça de impressão realizada pelo parceiro Periplast.

Segundo o Professor Artur Mateus, do CDRsp, «6 anos volvidos desde a ideia/conceito até à sua concretização, este projeto visa consolidar o desenvolvimento científico-tecnológico efetivo de um conjunto de materiais, equipamentos, normalização de processos, desenvolvimento de metodologias de design, novos softwares, formação avançada, internacionalização de conhecimentos e germinação de novos conceitos que vão contribuir para a criação da chamada Indústria 5.0 que irá juntar à digitalização a preocupação com a transição ecológica e com a responsabilidade social para uma maior resiliência da Indústria Portuguesa

Com o projeto Add.Additive, o Grupo NOV Indústria procura o reposicionamento dos seus produtos, antevendo o progresso da indústria do futuro. Da área industrial do Grupo NOV, fazem ainda parte as empresas Ecopaint, Lenobetão e Viamarca.